Ch3updmrhstghwonouau

Segurança do Doente - Conceitos Base

Transforma a tua Visão da Segurança do Doente na prestação de cuidados de saúde.

SEGURANÇA DO DOENTE - CONCEITOS BASE | Um mini curso

Com este mini curso eu pretendo tornar disponível ao maior número possível de Pessoas os conceitos básicos para melhor compreender como a "Segurança do Doente" é importante para uma prestação segura de cuidados.

Eu sei que já quase todos ouvimos a expressão "segurança do doente", mas quando exploramos esse conceito verificamos que ele é muito mais abrangente do que se imagina. Dominar estes conceitos básicos é mais fácil do que podes imaginar e é fundamental para cuidar melhor, para argumentar e exigir melhores condições (para os Doentes e Profissionais) e com isso conseguir Cuidados Mais Seguros.

Com este curso vais ficar a conhecer, de forma simples, como a Segurança do Doente é abrangente, e indispensável a uma boa prática dos cuidados.

Ajuda-me a divulgar esta mensagem partilhando a informação com os teus contactos.

E não te esqueças, UM DIA SERÁS TU O DOENTE!


O Formador


Fernando Barroso
Fernando Barroso

Olá, Eu sou o Fernando Barroso.

O meu lema - "COMO POSSO AJUDAR?"


Eu colaboro com outros profissionais para encontrar a melhor estratégia ou solução para a Segurança do Doente na sua instituição, partilhando informação privilegiada, cursos dirigidos, formação especializada ou consultoria.

Como Formador, já conduzi dezenas de acções de formação em várias Instituições, publicas e privadas. Com esses cursos ajudei centenas de profissionais a compreenderem os conceitos e ferramentas da “Segurança do Doente”. A formação é considerada "muito prática, clara e aplicável de imediato”.


Nos meus Cursos, todos (Médicos, Enfermeiros, Técnicos Diagnóstico, Assistentes Operacionais, Assistentes Técnicos, Etc.) encontram uma mensagem que compreendem, entendem como útil e podem aplicar de imediato. A mensagem é adaptada e dirigida a cada um em particular.


Aquilo que ensino, o meu conhecimento e estratégias de aplicação, são o resultado da minha vivência diária.

Os exemplos e estratégias partilhados são reais e testados no dia-a-dia. Qualquer adaptação serve apenas à melhor compreensão e aplicação imediata ao contexto em análise.

Podes saber mais sobre mim através do meu perfil do LinkedIn


“O curso é muito simples para quem não tem conhecimentos sobre o tema tão importante nas nossas organizações. Todos os colaboradores deveriam fazer uma formação sobre esta temática sempre que venham a integrar a organização para onde vão trabalhar. Parabéns Fernando.”

Maria F.

Quando há mais? Despertou a vontade de saber mais. Parabéns pelo trabalho e votos de feliz ano novo.

André R.

Parabéns. Excelente trabalho. Os exemplos ajudam muito a perceber os conceitos. Está iniciativa é mais um passo para cuidar melhor dos doentes e consciencializar para o papel de cada um na segurança do doente. Obrigada

Teresa P.

Agradeço desde já a formação que me proporcionou sobre esta importante temática. A forma, simples, clara e explícita com que expôs todos os conteúdos foi para mim de muito fácil compreensão, e é isso que torna o mesmo cativante e apelativo, aguardando já os próximos cursos, que eventualmente possam surgir.

De facto, para quem está a dar os primeiros passos, na prestação dos cuidados de saúde, é muito gratificante poder contar com cursos como este, que explicam claramente os conceitos base subjacentes à compreensão do tema "Segurança do Doente". Bem-haja.

Glória L.

 

Perguntas frequentes


Quando é que o Curso começa e termina?
Este curso fica disponível desde já e nunca será retirado! É um curso on-line, totalmente autodidacta - Tu decides quando começas e quando terminas.
Durante quanto tempo tenho acesso ao curso?
Após a inscrição, terás acesso ilimitado a este curso pelo tempo que desejares, em todos os teus dispositivos.
E se eu ficar insatisfeito com o curso?
Eu espero que isso não aconteça. De qualquer forma, este é um curso grátis pelo que não terá qualquer custo para ti. Também conto com as tuas criticas construtivas para o poder melhorar no futuro.

Comece agora!



Só o muito trabalho e dedicação podem conduzir a este desempenho pessoal, que transborda para fora de si. Continuo a surpreender-me com a imensa capacidade de análise e síntese que consegues imprimir ao teu trabalho. Esta consciência, quando globalizada a todos os agentes da saúde, desde o os organismos de poder institucional aos mais pequenos de elos de toda a cadeia, poderão operar verdadeiras transformações que levarão à melhoria da Qualidade do serviço prestado e assim à segurança dos nossos doentes, gerando uma verdadeira onda de satisfação profissional em todos os agentes. Afinal, é pelos doentes que trabalhamos e a condição de doente é certamente a de alguém fragilizado por doença, seja de ela de que foro seja, e essa condição é transversal a todos os seres humanos independentemente da sua condição social, racial, religiosa etc. Todos nós somos doentes, pelo menos uma vez na vida, somos cuidadores e somos cuidados. Esta reflexão é fundamental. Parabéns pelo trabalho.

Zelinda C.

Para quem se inicia na área da segurança do doente e gestão do risco foi importante para clarificar conceitos inerentes aos diferentes incidentes que podem e ocorrem na nossa prática de cuidados de saúde. Importante ter conhecimento da Classificação Internacional para a Segurança no Doente, como documento de consulta obrigatória. Obrigada pela forma simples e compreensível como os conteúdos foram abordados. Fico a aguardar futuros cursos.

Gilberta C.

Gostei muito! Vou divulgar pelos colegas, nomeadamente pelos elementos que integram a Comissão de Qualidade e Segurança do Doente. Como referi anteriormente estamos a dar os primeiros passos nesta área nos Cuidados de Saúde Primários. Uma das vertentes é a notificação dos eventos adversos. Seria interessante aprofundar o tratamento a fazer com as notificações: plataforma de registo, as medidas corretivas e pedagógicas...

Mais uma vez agradeço a sua disponibilidade pela partilha.

Maria M

O curso traduz de uma forma explícita e sucinta os principais conceitos relacionados com a Segurança do Doente, bem como a importância que esta temática tem nos atuais contextos de saúde. Fico a aguardar o Curso sobre os Fatores Humanos e gostaria de sugerir um Curso sobre "Como implementar um Programa de Segurança", que sintetizasse os principais passos a serem delineados dentro dos contextos da prática para promover a segurança do doente e que abordasse alguns destes itens: avaliação da cultura de segurança, notificação de incidentes, tipos de análise de incidentes, avaliação de outcomes, etc.

Já divulguei o curso para que todos possamos ser mais conhecedores e contribuirmos para a segurança do doente. Obrigada pela partilha!

Helga O.